Família no Modelo Bíblico – Parte 1

Home / Ministrações de Célula / Família no Modelo Bíblico – Parte 1

Família no Modelo Bíblico – Parte 1

“E chegaram ao outro lado do mar, à província dos gadarenos. E, saindo ele do barco, lhe saiu logo ao seu encontro, dos sepulcros, um homem com espírito imundo; o qual tinha a sua morada nos sepulcros, e nem ainda com cadeias o podia alguém prender; porque, tendo sido muitas vezes preso com grilhões e cadeias, as cadeias foram por ele feitas em pedaços, e os grilhões em migalhas, e ninguém o podia amansar. E andava sempre, de dia e de noite, clamando pelos montes, e pelos sepulcros, e ferindo-se com pedras. E, quando viu Jesus ao longe, correu e adorou-o. E, clamando com grande voz, disse: Que tenho eu contigo, Jesus, Filho do Deus Altíssimo? conjuro-te por Deus que não me atormentes. (Porque lhe dizia: Sai deste homem, espírito imundo.) E perguntou-lhe: Qual é o teu nome? E lhe respondeu, dizendo: Legião é o meu nome, porque somos muitos. E rogava-lhe muito que os não enviasse para fora daquela província. E andava ali pastando no monte uma grande manada de porcos. E todos aqueles demônios lhe rogaram, dizendo: Manda-nos para aqueles porcos, para que entremos neles. E Jesus logo lho permitiu. E, saindo aqueles espíritos imundos, entraram nos porcos; e a manada se precipitou por um despenhadeiro no mar (eram quase dois mil), e afogaram-se no mar. E os que apascentavam os porcos fugiram, e o anunciaram na cidade e nos campos; e saíram muitos a ver o que era aquilo que tinha acontecido. E foram ter com Jesus, e viram o endemoninhado, o que tivera a legião, assentado, vestido e em perfeito juízo, e temeram. E os que aquilo tinham visto contaram-lhes o que acontecera ao endemoninhado, e acerca dos porcos. E começaram a rogar-lhe que saísse dos seus termos. E, entrando ele no barco, rogava-lhe o que fora endemoninhado que o deixasse estar com ele. Jesus, porém, não lho permitiu, mas disse-lhe: Vai para tua casa, para os teus, e anuncia-lhes quão grandes coisas o Senhor te fez, e como teve misericórdia de ti. E ele foi, e começou a anunciar em Decápolis quão grandes coisas Jesus lhe fizera; e todos se maravilharam.” (Marcos 5:1-20)

Não existe libertação verdadeira se o testemunho não for vivo dentro da nossa casa. Jesus poderia ter saído com o homem que fora endemoninhado para que ele contasse tudo o que lhe acontecera. Com certeza, por curiosidade, haveria muito mais seguidores e adeptos da doutrina de Jesus.

Jesus, ordenou que o que fora endemoninhado, após estar liberto, fosse para a casa dele e libertasse os da sua casa, porque a sua casa é o maior reduto de confiança que você possui.

O que podemos aprender com Jesus é que mais importante do que seguirmos pessoas para contar o que está acontecendo ou o que aconteceu na nossa vida, nossa casa, nossa família, precisa saber e ver o nosso testemunho de transformação.

Ano da Família 

No Ano da Família temos que escolher modelos de famílias que sejam referenciais para nós. No Novo Testamento, em Mateus, encontramos José, Maria e Jesus, um modelo de família que devemos seguir para termos também uma família aprovada.

Quais são as famílias, no Modelo Bíblico, que você mais admira hoje? Escolha esse modelo e copie para que sua casa seja saudável. Não crie padrões pessoais e diga que isso é Família no Modelo Bíblico. É preciso ver nascer a nação das famílias no Modelo Bíblico. E estamos aqui para gerar, para fazê-las nascer.

O mundo espiritual, como sabe trabalhar com cumplicidade, viu acontecer um ataque na sua família, e você nem percebeu. Mas esse ataque será encerrado hoje. Hoje haverá uma varredura, uma limpeza na sua casa, e mesmo que demônios queiram entrar, você vai empurrar a porta e eles não entrarão na sua casa. Veja-se fechando a porta e expulsando os inimigos.

As famílias estão precisando ser reavaliadas. Estão tóxicas, enfermas e descomprometidas com a aliança. Há uma banalidade na aliança, porque o secularismo entrou para dissolver a aliança. É a visão de Gadara entrando nas casas.

O caráter espiritual da família está enfraquecido. Hoje existe acordo entre pais e filhos para que o inimigo entre e é por isso que a família está tão perturbada e os filhos estão vivendo comprometidos, alguns até endemoninhados e tomados pela Pós-modernidade.

Se não vigiarmos hoje, amanhã nossos filhos e netos podem estar aceitando modelos que são contrários à Bíblia. A família precisa voltar a viver o Modelo Bíblico para que a aliança seja fortalecida. Não estamos falando de família tradicional, mas da família criada por Deus para ser instrumento de cura na sociedade.

O que é Gadara

Para explicar quem era o gadareno, é preciso saber quem é Gadara, cidade fronteira com a Jordânia. Um lugar de fronteira geracional. Por lá passavam as gerações. E as gerações ficavam endemoninhadas. Era um elo no qual as pessoas entravam, recebiam doutrinas sobre alimentação, ética, moral, etc. Era um lugar de difícil entendimento.

Todos que estavam em Gadara possuíam um pensamento plural, progressista e diferenciado de família. Quando as pessoas tinham problemas espirituais eram mandadas para Gadara. Era um centro de endemoninhados.

As gerações entravam e se pervertiam; era uma espécie de Sodoma e Gomorra. Era o lugar do encontro de pessoas diferentes. Lá as pessoas colocavam as suas emoções e preferências.

Continua…